24.5.06

noite

caiu a noite que o dia teimoso queria que não chegasse. agora, lá fora, o silêncio não impede que a vertigem das horas vividas desapareça em nós como a luz do sol que aqueceu os instantes passados. a luz da noite é artificial, mas se pensarmos bem, o dia está carregado de luz autêntica sobre gente que quer ser cada vez mais artificial.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home