8.1.08

coerência socrática

"o governo entende que é necessário reforçar a legitimação democrática do processo de contrução europeia, pelo que defende que a aprovação e ratificção do tratado deva ser precedida de referendo popular, amplamente informado e participado, na sequência de uma revisão constitucional que permita formular aos portugueses uma questão clara, precisa e inequívoca".
- página 152 do programa de governo de josé sócrates.
ora, a pergunta mais clara e concisa que o primeiro-ministro encontrou foi... não fazer pergunta nenhuma. o referendo ao tratado morreu antes de nascer. se mais razões não existissem para não votar sócrates em 2009, esta já bastava.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home